Joelho travado: entenda o que pode ser!!

O que ocorre na prática quando nosso joelho trava?

O joelho travado significa a perda do movimento normal do joelho. Em outras palavras, é a incapacidade ou dificuldade de conseguir dobrar ou esticar o joelho totalmente.

É uma situação que afeta muito a mobilidade do nosso corpo. Até mesmo atividades muito simples ficam comprometidas por conta de um joelho travado.

Por exemplo, uma simples caminhada é totalmente dependente de um joelho que se movimenta por completo. Sendo assim, uma pequena perda de mobilidade do joelho, pode significar na prática, não conseguir caminhar sem mancar. Como resultado, podemos descompensar a marcha, sobrecarregando outras articulações do nosso corpo, como os quadris, tornozelos e coluna lombar.

 

Além disso, a perda do movimento do joelho, se não tratada rapidamente, pode deixar sequelas. Para entender melhor, é como se o nosso joelho, tivesse uma memória “fraca” e desaprendesse rápido o seu movimento completo. Como consequência, uma perda de movimento transitória pode se tornar definitiva. Na prática, após 3 meses de perda de movimento, já existe chance da limitação de movimento ser permanente e não voltar mais ao normal.

E quais seriam as principais causas do joelho travado?

Basicamente, as causas do joelho travado podem ser:

– Antálgicas: consequência de uma dor forte (devido uma lesão, por exemplo) que leva a espasmos e contrações musculares reflexas da musculatura do entorno do joelho. Na verdade, nesse caso não existe algo que impeça o movimento do joelho, mas é uma reação automática do organismo que procura restringir o movimento do joelho como forma de evitar maiores danos. É relativamente frequente após lesões ligamentares do joelho, como por exemplo após a lesão do Ligamento Cruzado Anterior. Tratamento com fisioterapia pode auxiliar a destravar o joelho nesses casos.

Lesão do menisco: uma lesão grande do menisco pode migrar de lugar ou soltar um fragmento meniscal que pode ficar fora da sua posição normal e com isso bloquear o joelho. Como exemplo desse tipo de lesão, estão as lesões em “alça de balde” do menisco ou lesões em “flap” grande do menisco. O tratamento nesses casos é geralmente cirúrgico com Artroscopia.

Continuando.. As causas do joelho travado:

– Corpo livre de cartilagem: um pedaço de cartilagem pode soltar dentro do joelho e se deslocar impedindo o movimento do joelho. Nesse caso também é necessário a remoção cirúrgica, pois pode levar ao chamado “efeito quebra nozes”, causando outras lesões de cartilagem no joelho. Geralmente, para que possa soltar um fragmento, a cartilagem de um joelho já se encontra com problemas. Outra forma de formar um corpo livre de cartilagem no joelho é após um trauma ou torção do joelho.

Luxação da patela: uma luxação completa da patela que não reduz (que não volta para o lugar) espontaneamente pode travar o movimento do joelho. Nessa situação, com uma manobra simples é possível trazer a patela de volta para o lugar e destravar o joelho.

– Derrame articular grande no joelho: popularmente conhecido como “água no joelho”, é o aumento abrupto da quantidade de líquido de dentro da articulação do joelho. Em condições normais, o joelho tem uma fina camada de um líquido que recobre a articulação chamada líquido sinovial. O aumento do líquido pode ser decorrente de trauma, torção ou inflamação devido artrose ou artrite da articulação do joelho. Como consequência do derrame articular, há um aumento da pressão interna do joelho, levando à perda do seu movimento completo. Em geral, o tratamento de um derrame articular grande é o procedimento de punção de alívio, utilizado para retirar o excesso de líquido com uma seringa e agulha.

Resumo e Conclusão

Joelho travado é uma situação que leva à perda abrupta do movimento do joelho. Sendo assim, são muitas as causas do joelho que trava e perde o movimento. Primeiramente, pode ser devido a uma dor forte (antálgico) ou após um problema de dentro da articulação do joelho (lesão de menisco, corpo solto de cartilagem, luxação de patela, inflamação e derrame por artrite ou artrose).

Por fim, é uma condição que na maioria das vezes requer um tratamento rápido para solucionar a causa do travamento do joelho, afim de evitar problemas futuros. Por isso, se você está com o joelho travado, procure rapidamente um especialista em joelho. Lembrem-se disso, quanto mais rápido for feito o tratamento, menor a chance de sequelas. Se precisar, contem comigo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe essa informação!